Vasinhos nas pernas: tudo o que você precisa saber

Home » Blog » Vasinhos nas pernas: tudo o que você precisa saber

Vasinhos nas pernas: tudo o que você precisa saber

Os vasinhos nas pernas são mais comuns do que se pensa e podem afetar qualquer pessoa, independentemente da idade ou sexo. De maneira associada pode vir aquela dificuldade na autoestima, bem como o incômodo estético, especialmente nos períodos mais quentes do ano.

Neste blog vamos entender melhor o que são os vasinhos nas pernas e tudo mais que você precisa saber sobre eles: suas causas e o que fazer caso eles apareçam.

Estão prontos? Então vamos para baixo da pele investiga-los.

O que são os vasinhos nas pernas?

Os vasinhos nas pernas são veias dilatadas que se manifestam sob a pele. Além disso, eles possuem dimensões reduzidas e não costumam superar 1mm de diâmetro.

Com a dilatação a veia adquire cor mais escura, tendendo ao roxo ou mesmo azul. Como consequência, as pernas exibirão aquelas marcas que todo mundo gostaria de evitar, como estas da foto:

Detalhe do aspecto dos vasinhos localizados nas pernas
Vasinhos nas pernas: aspecto externo

Tecnicamente eles também podem ser chamados de telangiectasias. Por outro lado, diferentemente das varizes, costumam não apresentar as dores ou queimação típicas destas últimas. Ainda assim, por menor que seja, a dilatação da veia aponta para alguma dificuldade na circulação sanguínea.

Por este motivo, é sempre importante o diagnóstico médico para certificar-se da natureza dos vasinhos e, eventualmente, realizar o tratamento indicado pelo cirurgião vascular. As boas clínicas contam com aparelhos como ecodoppler para a fase de diagnóstico.

O que causa vasinhos nas pernas?

Como vimos acima, as causas dos vasinhos nas pernas passam pela dilatação das veias, com consequente acúmulo de sangue nas veias. Nesse sentido, entre os principais motivos do surgimento destas dilatações estão:

  • sedentarismo;
  • obesidade;
  • permanecer com frequência por longo tempo sentado ou em pé;
  • fator hereditário.

As pernas são a região do corpo humano onde os vasinhos se manifestam com maior frequência. De alguma maneira, essa tendência é natural, dado que os membros inferiores também são em que a circulação sanguínea mais sofre com a gravidade no seu retorno ao coração.

Como eliminar vasinhos nas pernas?

A boa notícia é que existem maneiras de eliminar os indesejados vasinhos nas pernas. Sempre mediante diagnóstico médico, dois são os tratamentos para vasinhos atualmente indicados. Vamos a eles.

Escleroterapia de vasinhos

Nesta tradicional técnica uma fina espuma (normalmente polidocanol) é injetada dentro das veias, causando sua obstrução e fechamento. Posteriormente o tempo o organismo absorve a veia e a circulação no local acaba redirecionada para outros capilares.

A escleroterapia de vasinhos também pode ser realizadas com outros líquidos, como a glicose.

Tratamento a laser para vasinhos

Da mesma forma, utiliza-se o tratamento a laser para eliminar vasinhos causando a obstrução das veias dilatadas e assim interrompendo a circulação sanguínea na veia.

A grande diferença se dá pelo uso do laser para causar o fechamento da veia. Durante o tratamento o médico fará disparos de laser nas veias tratadas, causando seu fechamento. Além disso, são utilizados aparelhos sofisticados como o veinviewer, para visualização aumentada das veias tratadas, e o resfriamento da pele como anestesia.

Similarmente, este tratamento também é conhecido como CLaCS. Aqui você pode ver alguns exemplos do antes e depois do tratamento.

Tem como evitar os vasinhos nas pernas?

Infelizmente não há método infalível para evitar o surgimento de vasinhos nas pernas. Contudo, temos um grande aliado para reduzir significativamente o risco de vasinhos, completamente ao nosso alcance: manter hábitos saudáveis em nossa rotina.

Diante disso, a alimentação equilibrada tem um papel fundamental, assim como a prática de exercícios físicos e o descanso. Atualmente, muitas pessoas têm dificuldade em dormir, exatamente o período em que nosso corpo realiza sua própria reparação.

Por fim, a alternância entre estar de pé e sentado durante o dia estimula a circulação nas pernas, o que também é fundamental para a redução dos riscos de vasinhos.

Mulher com vasinhos nas pernas
Vasinhos nas pernas

Pernas saudáveis sem vasinhos

Como vimos acima, a melhor estratégia para evitar vasinhos é a manutenção de hábitos saudáveis ao longo da vida. A circulação sanguínea é um grande indicador de saúde e seus benefícios certamente não se limitam a dificultar o aparecimento de vasinhos ou mesmo varizes.

Mesmo assim, se os vasinhos aparecerem, a medicina já coloca à disposição dos pacientes tratamentos para secagem de vasinhos minimamente invasivos, realizados em clínica e com retomada imediata das atividades normais. Para isso, consulte sempre seu cirurgião cardiovascular, que saberá analisar seu caso de forma detalhada e individualizada.