Varizes na adolescência: o que você precisa saber

Home » Blog » Varizes na adolescência: o que você precisa saber

As varizes são uma condição comum que afeta uma parcela significativa da população brasileira. Isso também inclui a faixa mais jovem, em especial os adolescentes, tanto homens quanto mulheres. Embora elas possam soar como uma preocupação meramente estética, as varizes na adolescência elas são uma condição de saúde que necessita atenção.

Tendo isto presente, neste artigo vamos discutir as causas mais comuns de varizes na adolescência, sua prevenção, sinais e sintomas, bem como as opções de tratamento disponíveis. Se você tem alguma dúvida sobre a definição de varizes, confira nosso guia no link.

As causas mais comuns de varizes na adolescência

Durante a adolescência as varizes costumam ter as seguintes causas:

  • motivos hereditários: esta possivelmente seja a causa principal de varizes na adolescência. Se algum ascendente de sua família já teve varizes, as chances de que você também desenvolva aumentam significativamente, mesmo que jovem, durante a adolescência.
  • sedentarismo: o corpo humano precisa da atividade física para manter sua saúde. O hábito do sedentarismo acarreta a piora da circulação sanguínea no corpo humano, em especial nas pernas, favorecendo enormemente o surgimento de varizes.
  • obesidade: de maneira similar ao sedentarismo, a obesidade na adolescência prejudica o retorno do sangue das pernas para o coração, favorecendo o surgimento das varizes.
  • hormônios: alguns hormônios como os anticoncepcionais causam o aumento do estrogênio e progesterona no corpo da adolescente. Por sua vez, este incremento pode aumentar a coagulação sanguínea e assim afetar a circulação. Ainda, o desequilíbrio hormonal favorece a obesidade, citada acima.
  • longos períodos sem se movimentar ou longo período sem descanso: em ambos os casos, a não alternância entre atividade e descanso prejudica a circulação sanguínea e, assim, o surgimento de varizes durante a adolescência. É saudável a alternância entre estar sentado e em pé.

De uma maneira geral, estas causas são idênticas àquelas dos indivíduos adultos. Também é preciso destacar que estas causas dizem respeito a ambos os sexos, durante a adolescência.

Exemplo de pernas com varizes na adolescência
As varizes na adolescência necessitam acompanhamento médico

Como evitar o surgimento de varizes durante a adolescência?

Não existe uma garantia de evitar o surgimento de varizes durante a adolescência. O que é possível é adotar hábitos de vida que favoreçam a boa saúde e assim reduzam a probabilidade que as varizes surjam.

Você pode fazer algumas coisas que favorecem a prevenção:

  • manter um peso saudável: isso contribui com a circulação sanguínea normal. Ainda, adotar uma alimentação equilibrada é uma ótima ideia: saúde e autoestima saem ganhando.
  • faça exercícios regularmente: exercícios como caminhada, corrida, andar de bicicleta e natação ajudam a manter as veias saudáveis e aumentam o fluxo sanguíneo.
  • alternância frequente entre estar em pé e sentado: isso ajuda a alongar as pernas, além de manter o fluxo sanguíneo.

Lembre-se sempre de que essas são apenas medidas preventivas e caso sinta algum sinal de varizes é importante procurar um médico para avaliação.

Quais são os sintomas de varizes durante a adolescência

Os sintomas das varizes durante a adolescência são semelhantes aos que os adultos experimentam. O mais frequente deles é a sensação de pernas pesadas. Isso acontece porque os vasos sanguíneos da perna apresentam algum grau de dificuldade em bombear o sangue de volta para o coração.

Outros sintomas que estão associados com as varizes durante a adolescência:

No artigo completo sobre sintomas de varizes detalhamos melhor o tema, que também é válido para os casos de adolescentes.

As varizes surgiram em plena adolescência, o que fazer?

Se as varizes surgirem durante a adolescência, não obstante os cuidados tidos, não há motivo para pânico: a medicina irá ajudar.

Existem numerosas modalidades de tratamentos para varizes e uma ou mais delas poderão ser a indicação médica para um caso específico. Para isso, é imprescindível a consulta médica que irá fazer o diagnóstico completo, podendo usar recursos como o ecodoppler para determinar o fluxo de sangue na região afetada. Uma vez realizado o diagnóstico, o médico elaborará um plano individualizado de tratamento para o paciente, considerando todas as variáveis do caso.

Ainda, o médico poderá indicar o uso de paliativos como a meia de compressão para o alívio de dores e melhora da circulação ou ainda cremes para varizes.

Desde vasinhos e varizes de pequeno calibre até aquelas em veias mais profundas, há como tratar todos os casos de varizes na adolescência. Cuide de sua saúde da melhor forma possível e, caso surja uma variz, procure seu médico.