Varizes em homens: isso existe?

Home » Blog » Varizes em homens: isso existe?
Varizes em homens: isso existe?

Varizes em homens: isso existe?

As varizes em homens são um tema pouco difundido na população em geral. Com frequência, escutamos dúvidas sobre a possibilidade de saltos altos causarem varizes, ou mesmo se a depilação causa varizes. Quase sempre, estes e outros cenários relacionam o problema ao mundo feminino.

No entanto, o mesmo não acontece com o lado masculino do problema – e isso é um problema! Afinal, homens também têm varizes e elas não são um incômodo apenas estético, mas trazem prejuízos à qualidade de vida e sobretudo à saúde. Vejamos mais sobre o tema.

O que são as varizes e quais seus sintomas?

As varizes aparecem quando as válvulas de uma veia param de funcionar corretamente, tornando-a dilatada. Assim, essas veias tortuosas podem passar a doer, queimar ou ainda provocar sensação de cansaço na perna. Este cenário é frequente especialmente ao final de um dia de trabalho. Em casos de doença mais avançada, sem tratamento prévio, feridas nas pernas ou úlceras poderão surgir.

“as varizes são iguais para homens e mulheres”

Os sintomas das varizes masculinas são exatamente os mesmos que se manifestam nas mulhers. Afinal, não há distinção substancial entre os dois gêneros no tocante ao transtorno.

Quais são as causas de varizes em homens?

Homens podem ter varizes por diferentes motivos. Objetivamente, a predisposição familiar é a causa mais comum de varizes em homens. Visto que esta causa está diretamente ligada à genética, fica além de seu controle. Os dados indicam que 80% dos portadores de varizes tenham herdado ela da família.

Todavia, outros fatores importantes influenciam o aparecimento de varizes:

  • estar com sobrepeso ou obesidade;
  • ter hábitos sedentários;
  • quando o trabalho requeira permanecer em pé ou carregar peso;
  • a prática de exercícios com carga excessiva;
  • fazer uso continuado de hormônios.

Ainda, precisamos ter presente que o organismo de cada pessoa é único. Este fator é determinante para a manifestação de sintomas. Já quanto à idade, o desenvolvimento de varizes é mais comum a partir dos 35 anos. Por exemplo, varizes em homens de 50 anos são mais comuns do que nos de 22. Logo, isso significa que também podem aparecer varizes em homens jovens.

As mulheres são mais acometidas por varizes do que os homens. Com efeito, as estatísticas indicam que a proporção de incidência seja de três mulheres para cada homem. Apesar da maior frequência entre as mulheres, as varizes trazem problemas semelhantes para ambos gêneros.

Tratamento de varizes em homens

O tratamento de varizes masculinas depende das dimensões do problema manifesto no paciente. Ao contrário das mulheres, que geralmente procuram tratamento para as varizes em um estágio mais precoce, provavelmente devido ao incômodo estético, os homens demoram a procurar auxílio.

Muitas vezes os pêlos nas pernas masculinas dificultam a identificação das veias dilatadas e tortuosas. Dessa forma, somente quando os sintomas de peso, queimação e cansaço nas pernas se tornam diários e mais intensos é que eles decidem investigar e tratar as varizes. O estado de desenvolvimento das varizes, o tamanho e a largura das veias são as principais determinantes de como tratar varizes em homens.

Antes de tudo, é importante conhecer o estágio da doença no momento da avaliação, que determinará o tipo de tratamento:

  • minicirurgia de varizes;
  • secagem de microvarizes (escleroterapia);
  • laser endovenoso;
  • espuma.

Sabemos que as varizes são iguais para homens e mulheres. No entanto, elas costumam tratar o problema mais cedo do que eles. É importante saber que as varizes em homens não podem ser “curadas” definitivamente. Infelizmente, são um problema crônico. Contudo, é possível tratá-lo de diversas maneiras.

Essa preocupação com a saúde é importante porque evita que o problema evolua para um quadro de saúde mais grave. O que pode ser entendido por muitos como apenas uma veia feia ou uma “frescura” pode ser um problema sério e que merece atenção.

Escleroterapias para homens?

As escleroterapias são procedimentos variados, mas que consistem essencialmente no mesmo objetivo: fazer aplicações para secar as varizes. Isso faz com que o sangue circule normalmente pelas demais veias ao redor da região afetada. As duas modalidades mais significativas de escleroterapias são as que usam a espuma e a CLaCS (Cryo-Laser and Cryo-Sclerotherapy).

A primeira técnica consiste em aplicar espuma médica na veia-alvo. A espuma é indicada como uma alternativa ao tratamento cirúrgico para varizes masculinas mais volumosas. Nos homens, devido a uma menor preocupação com o resultado estético, a escleroterapia com espuma é utilizada com maior frequência.

Já a CLaCS combina criogenia, laser, glicose hipertônica e realidade aumentada. Na maior parte dos casos, a CLaCS é usada para o tratamento de microvasinhos. No caso masculino, a CLaCS costuma ser empregada em conjunto com outras técnicas como o laser endovenoso ou a minicirurgia. Isso acontece porque é frequente que os pacientes procurem tratamento já em estágios mais avançados da doença.

Varizes em homens

 

Tornozelo masculino afetado por varizes

A cirurgias de varizes

Homens com varizes podem apresentar quadros clínicos mais complicados, como evolução para feridas (úlceras) e dores e outros incômodos. Para esses casos, a cirurgia de varizes em homens pode ser uma solução.

A tradicional cirurgia de safena ainda é um procedimento realizado em vários centros clínicos, com bons resultados. Por envolver incisões e a extração de uma veia, a recuperação costuma ser mais demorada, se comparada ao tratamento da safena com endolaser.

Com efeito, a cirurgia com endolaser é um procedimento mais recente. Nesta técnica, o laser substitui os diversos cortes da cirurgia tradicional e a recuperação do paciente é mais rápida.

Ao final de qualquer um desses procedimentos, é importante manter acompanhamento médico. O uso de meias elásticas poderá ser indicado por aproximadamente 5 a 7 dias após uma cirurgia.

Solução para varizes masculinas

Além do tratamento das varizes, adotar um estilo de vida com hábitos mais saudáveis é muito importante. Isso não significa algo extremo como decidir correr uma maratona tão cedo ou tornar-se vegetariano.

Praticar atividade física com frequência é o ponto fundamental. Exercícios ao alcance de todos como caminhadas diárias ou andar de bicicleta farão uma grande diferença no seu peso e na pressão que você está colocando nas veias. Uma dieta saudável é decisiva para a saúde das suas veias. Beber água com frequência, consumir alimentos ricos em fibras e vitaminas, preferencialmente sem processamento industrial, é algo que não requer instrumentos sofisticados. Basta decidir e fazer!

Caso seja necessário tratar varizes em homens, o acompanhamento médico é o melhor caminho. Um cirurgião vascular poderá fazer o diagnóstico, indicando o tratamento mais adequado para o problema.

A Clínica Zignani conta com profissionais especializados e a tecnologia mais atual para atender às mais variadas necessidades de tratamento de varizes masculinas, úlceras, tromboses e demais transtornos vasculares. Cuidar da saúde é uma escolha sábia ao seu alcance.