Quais os tratamentos de varizes disponíveis atualmente?

Home » Blog » Quais os tratamentos de varizes disponíveis atualmente?

As varizes são uma doença muito prevalente na população e acomete principalmente as mulheres. Felizmente, seu tratamento está em constante evolução.

Há não muito tempo atrás, as grandes cirurgias com retirada das veias doentes através de cortes na pele eram a única opção disponível para aliviar os sintomas da doença venosa.

Felizmente, esse já não é mais o cenário atual!

Tratamentos disponíveis em março de 2024

Nos dias de hoje, existe uma variedade de técnicas para tratamento das varizes e, obviamente, cabe ao cirurgião vascular especialista em flebologia decidir qual dessas técnicas é a mais indicada para cada paciente.

As técnicas de ablação térmicas, endolaser e radiofrequência, merecem destaque especial. Elas já são cientificamente comprovadas como a primeira escolha de tratamento quando o assunto são veias safenas doentes.

Endolaser

Diagnóstico e marcação de veias varicosas
Marcação de veias antes do tratamento de varizes

O endolaser também já é uma realidade no tratamento das veias tributárias varicosas, substituindo, em alguns casos, a retirada cirúrgica dos trajetos varicosos mais dilatados e salientes na pele .

Já as técnicas ATTA e TEThA são as mais utilizadas nesses casos. Podem ser feitas tanto a nível hospitalar como ambulatorial.

Ainda a flebectomia

A flebectomia, conhecida como a retirada cirúrgica com pequenos cortes de trajetos varicosos, não foi completamente abolida da lista de opções terapêuticas. Dependendo do tipo e localização das varizes, ela ainda pode ser uma das melhores opções.

CLaCS

Outra grande evolução no tratamento das varizes é o método CLaCS. Este é o método de escolha quando o assunto é o tratamento das microvarizes e das veias nutridoras desses vasinhos. Aqui algumas imagens de antes e depois do CLaCS.

O CLaCS está cada vez mais difundido mundialmente e nos trouxe a possibilidade de evitar a necessidade de cirurgia em até 70 a 80% dos pacientes. Tudo isso, devido aos efeitos do laser transdérmico no fechamento das veias nutridoras.

A espuma pode ser uma ótima opção

Finalizando as opções terapêuticas para as varizes, não poderíamos deixar de fora a tão conhecida espuma. A escleroterapia com espuma, um agente esclerosante mais potente se comparado a glicose 75% por exemplo, é capaz de realizar o fechamento de veias mais calibrosas a nível ambulatorial e sempre guiada pelo ultrassom.

Cada caso precisa de diagnóstico

Como acabamos de ver, existe uma variedade de opções para o tratamento das varizes atualmente. Não há uma receita de bolo a ser seguida igualmente para todos os pacientes.

Cada paciente necessita ser examinado de forma minuciosa antes da escolha do método indicado ao seu caso. Muitas vezes, será a combinação destas técnicas que possibilitará alcançar um resultado de excelência.

Procure sempre um profissional capacitado, com amplo conhecimento em flebologia e nessas diversas técnicas, que lhe passe confiança e siga em frente no tratamento das suas varizes. Quanto mais cedo a doença venosa for diagnosticada e tratada, melhores serão seus resultados.

Paciente que tratou as varizes durante natação